conecte-se conosco


CAMPINA DA LAGOA

21 mil paranaenses já utilizam Cartão Comida Boa; entrega segue nos 399 municípios

Publicados

em

21 mil paranaenses já utilizam Cartão Comida Boa; entrega segue nos 399 municípios

Iniciativa do Governo do Estado concede um crédito de R$ 80 para compra de alimentos, produtos de higiene e outros itens de necessidade básica a famílias em situação de vulnerabilidade. Entrega já ocorre em todos o Paraná.

 

Mais de 21 mil paranaenses já começaram a utilizar o Cartão Comida Boa. A iniciativa do Governo do Estado concede um crédito de R$ 80 para compra de alimentos, produtos de higiene e outros itens de necessidade básica a famílias em situação de vulnerabilidade, com o objetivo de diminuir a pobreza no Paraná. Coordenada pela Secretaria de Justiça, Família e Trabalho (Sejuf), a ação está atualmente na fase de entrega de cartões a beneficiários de todo o Estado.

Utilizacao do Cartao Comida Boa nesta terça-feira (12), em Supermercado na cidade de Sarandi. O programa visa atender pessoas em vulnerabilidade social durante a Pandencia de Covid19. 12/05/2020 – Foto: Geraldo Bubniak/AEN

“O Cartão Comida Boa é um projeto social que vai atender 100 mil famílias humildes no Paraná, dando segurança alimentar. Cada família recebe um cartão com um crédito para ir ao supermercado, na mercearia mais próxima da sua casa, e pode fazer uma compra de mantimentos básicos – arroz, feijão, farinha, óleo. São quase meio milhão de paranaenses que vão ter um Natal com muito mais qualidade”, afirmou o governador Carlos Massa Ratinho Junior.

Leia Também:  Sociedade Rural confirma realização da Expo Umuarama para 10 a 20 de março

Segundo o Departamento de Assistência Social da Sejuf, até esta segunda-feira (20), 21.150 cartões já tinham sido utilizados. O benefício é concedido a famílias em situação de pobreza (renda familiar mensal per capita entre R$ 100 e R$ 200) ou extrema pobreza (renda familiar mensal per capita de até R$ 100).

Para isso, cada município promove uma força-tarefa para entregar os cartões a seus titulares antes da chegada do Natal. As entregas foram iniciadas no dia 15 em municípios das regionais de Laranjeiras do Sul, Toledo, Paranaguá e Francisco Beltrão, e desde então têm se estendido a todas as regiões do Estado.

Os beneficiários têm 90 dias para retirar o cartão. Após esse período ele é bloqueado. A orientação da Sejuf é fazer a entrega através dos Centros de Referência da Assistência Social (Cras). No entanto, cada município tem autonomia de definir os locais. Em caso de dúvidas, o beneficiário deve entrar em contato com a secretaria de assistência social do município.

O programa prevê que, a cada 90 dias, seja gerada uma nova lista de beneficiários, verificando se as famílias continuam atendendo aos critérios de habilitação. Aqueles que não estiverem mais enquadrados no programa terão o cartão cancelado.

Leia Também:  Final feliz para a onça parda capturada em Goioerê área central da cidade

 

 

COMO USAR – O beneficiário não terá direito a sacar o benefício, mas sim utilizá-lo diretamente em estabelecimentos credenciados, sendo proibida a aquisição de bebidas alcoólicas e fumígeros (cigarro).

O cartão será recarregado no dia 25 de cada mês. Para conferir os locais onde pode ser utilizado e esclarecer eventuais dúvidas, basta clicar AQUI.

A prioridade do Programa Estadual de Transferência de Renda é abarcar uma parcela da população que não é atendida pela União. Para cadastrar as famílias, a Sejuf utiliza a base de dados do Cadastro Único para Programas Sociais – CadÚnico. Esse é o instrumento de identificação e caracterização socioeconômica das famílias de baixa renda para a seleção de beneficiários e a integração dessas pessoas a programas sociais.

Os recursos a serem distribuídos são do Fundo Estadual de Combate à Pobreza do Paraná (Fecop). Nos primeiros meses, a execução também terá a colaboração do Fundo para Infância e Adolescência (FIA) para as parcelas das famílias com crianças e adolescentes.

PARANÁ SOLIDÁRIO – O Cartão Comida Boa integra uma série de outras ações anunciadas pelo Governo do Estado para ampliar os benefícios voltados a pessoas em situação de vulnerabilidade social e econômica.

Além do Cartão Comida Boa, o governador efetivou, em novembro, os programas Energia Solidária, Água Solidária e Aluguel Social, que estendem o alcance das tarifas sociais de água e luz e o valor do aluguel social dos moradores de áreas que estão sendo requalificadas nos municípios. Confira como funciona cada um deles.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CAMPINA DA LAGOA

Primeira parcela ou valor à vista do IPVA vencem na próxima segunda-feira,17.

Publicados

em

Primeira parcela ou valor à vista do IPVA vencem na próxima segunda-feira,17.
Quem optar pelo parcelamento do pagamento do IPVA 2022 deve ficar atento aos prazos de vencimento das parcelas em fevereiro, março, abril e maio.

Os contribuintes paranaenses têm até esta segunda-feira (17) para efetuar o pagamento do IPVA 2022 à vista com 3% de bonificação ou optar por parcelar em cinco vezes, com o vencimento da primeira parcela na próxima semana. As guias para pagamento podem ser emitidas pelo portal da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefa),
Neste ano a principal novidade este ano é a possibilidade de pagamento via PIX. A quitação pode ser feita nos canais eletrônicos de qualquer instituição bancária ou mesmo por meio de aplicativos. A alíquota do tributo é de 3,5% ou 1% do valor do veículo, dependendo do tipo.

 


• IPVA 2022 pode ser pago em cinco parcelas no Paraná
Quem optar pelo parcelamento do pagamento do IPVA 2022 deve ficar atento aos prazos de vencimento das parcelas em fevereiro, março, abril e maio.
Confira o calendário de vencimento do IPVA 2022:
FINAL DE PLACA – pagamento à vista
1 e 2 – 17/01/2022
3 e 4 – 18/01/2022
5 e 6 – 19/01/2022
7 e 8 – 20/01/2022
9 e 0 – 21/01/2022
FINAL DE PLACA – parcelado
1 e 2 – 17/01, 17/02, 17/03, 18/04, 17/05
3 e 4 – 18/01, 18/02, 18/03, 19/04, 18/05
5 e 6 – 19/01, 21/02, 21/03, 20/04, 19/05
7 e 8 – 20/01, 22/02, 22/03, 22/04, 20/05
9 e 0 – 21/01, 23/02, 23/03, 25/04, 23/05

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Sericicultores prejudicados pelo clima recebem adubo como auxílio emergencial do Estado
Continue lendo

GOIOERÊ

Rancho Alegre D`Oeste

Juranda

Quarto Centenário

Boa Esperança

Farol

MAIS LIDAS DA SEMANA