conecte-se conosco


FAROL

Definida primeira Rota da Fé de 2020. Passará por Juranda e Farol

Publicados

em

A Fundação São José de Ciências Humanas e Religiosas de Campo Mourão definiu a primeira Rota da Fé de 2020. Será no dia 16 de fevereiro. O evento que completa a sua 59ª edição passará por Juranda e Farol, reunindo centenas de romeiros.
As inscrições podem ser feitas em várias paróquias de Campo Mourão (veja abaixo), o valor é R$ 45,00 para adultos – inclui transporte, alimentação, água e frutas-; e R$ 20,00 para crianças entre 10 e 16 anos. Menores de 9 anos ou pessoas com deficiência mais um acompanhante não pagam.

 

 

Durante a peregrinação os participantes visitarão a Paróquia Nossa Senhora Mãe de Deus, na cidade de Juranda, conhecida como a “Cidade do Milagre”. O objetivo é mostrar o município e o seu potencial no Turismo Religioso. Juranda é destaque pelo milagre de Lucas, o qual foi agraciado pelo milagre atribuído a Jacinta e Francisco Marto, que foi o fundamental para a canonização dos Pastorinhos de Fátima, no dia 13 de maio de 2017.

 

“A Festa de Santa Jacinta e Francisco Marto é comemorada pela Igreja no dia 20 de fevereiro, e a Rota da Fé vai acontecer na semana da preparação das festividades de Santa Jacinta e Francisco Marto. O menino miraculado Lucas estará presente na Rota da Fé”, falou Rubem Moyano, organizador do evento.

 

Leia Também:  Coronavírus: 65% dos municípios da Comcam estão em estado de calamidade pública

Na parte da tarde, a Rota da Fé irá passar pelo município de Farol, onde os peregrinos irão visitar a Água da Fonte de João Maria, lugar místico e de milagres. Considerado um dos marcos do Turismo Religioso Sustentável, a Rota da Fé, é caracterizada pela caminhada dos fiéis por igrejas e locais de manifestação da fé, o contato com a natureza, o conhecimento da história e costumes da região. A peregrinação oportuniza um encontro das famílias e das pessoas que desejam fazer uma experiência religiosa.

 

De acordo com Moyano, a Rota da Fé foi responsável pela criação de vários atrativos na região. Ele lembra que a primeira edição não oferecia quase nada de novidades. “Saímos na época da Catedral e fomos até Barbosa, no Santuário de Santa Rita de Cássia. Mas nesse tempo todo foi criada a capela Santa Terezinha, Gruta de Frei Damião, Água do Juca, instalação da imagem do Cristo Redentor, Morro São Tomé, entre outros. Além disso, foi reformado e modificado a Paróquia São Pedro, em Corumbataí do Sul, Paróquia Nossa Senhora das Graças e Santuário Santa Rita de Cássia, ambas em Barbosa Ferraz”, diz.
Inscrições
As inscrições para a 59ª Rota da Fé podem ser feitas no Centro Catequético (44-3525 1634); Santuário Nossa Senhora Aparecida (44-3525 2932); Paróquia Sagrada Família – Cohapar (44-3523 4673); Paróquia São Pedro – Roncador (44- 3575 1215); Paróquia Nossa Senhora do Caravagio – Lar Paraná (44-3524 1022); capela Santo Antonio – Cidade Nova (44-3535 3652); Paróquia Divino Espírito Santo – Jardim Aeroporto (44-3525-3632), ou ainda pela internet, no site http://www.rotasdafe.com.br e e-mail: [email protected]

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

FAROL

Morador de Farol morre em grave acidente na BR 272

O acidente foi semelhante ao que matou outro morador de Farol, no mês de fevereiro

Publicados

em

O morador de Farol David Albert Ramos, de 36 anos, morreu em um acidente ocorrido na noite desta sexta-feira (26), por volta das 20h30, na BR 272, entre Farol e Campo Mourão. Ele dirigia uma camionete Hafei Ruiyi quando bateu de frente em uma carreta, com placas de Juranda. A vítima foi ejetada do veículo e morreu na hora.


O motorista da carreta, de 43 anos, contou que trafegava sentido Campo Mourão a Goioerê, quando a camionete veio pela contramão e não deu tempo de evitar a colisão. O impacto fez pegar fogo na camionete, que foi controlado pelos bombeiros e também pela chuva. David estava sozinho no veículo.


Socorristas do SAMU e Bombeiros nada puderam fazer e o corpo foi recolhido pelo Instituto Médico Legal. A Policia Rodoviária Federal também esteve no local, assim como policiais do destacamento militar de Farol, que ajudaram na sinalização da pista. O motorista da carreta, que não se feriu, levava calcário para descarregar em Goioerê.

O acidente foi semelhante ao que matou outro morador de Farol, Deocleciano Domingues Carneiro, no mês de fevereiro deste ano, no mesmo trecho da rodovia.

 

Leia Também:  Durante pandemia está permitido dirigir com CNH vencida. Entenda melhor na matéria completa

Ele dirigia uma camionete Fiat Strada e ao fazer uma ultrapassagem em um comboio de carretas, colidiu contra um Vectra que vinha em sentido contrário. A picape saiu de pista, colidiu contra um barranco e capotou.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

GOIOERÊ

Rancho Alegre D`Oeste

Juranda

Quarto Centenário

Boa Esperança

Farol

MAIS LIDAS DA SEMANA