conecte-se conosco


Geral

Indústria de cosméticos está em fase de instalação em Quarto Centenário

Indústria de cosméticos está em fase de instalação em Quarto Centenário

Publicados

em

Em breve Quarto Centenário vai ganhar importante indústria de cosméticos
Nesta semana o prefeito Reinaldo Krachinski acompanhado do presidente da Câmara, Claudinei Carlis (“Neguinho do Açougue”) visitou as instalações da futura indústria de cosméticos que nos próximos meses entrará em funcionamento em Quarto Centenário, no barracão industrial cedido pela Prefeitura, através de processo de licitação, para uma indústria de produção de cosméticos.

A empresa está instalando os equipamentos que em breve entra em funcionamento, gerando emprego no município dentro da proposta da Administração do prefeito Reinaldo Krachinski.

 

 

AMPLIAÇÃO. Quando da entrega do barracão a direção da empresa, solicitou ao prefeito Reinaldo a ampliação e adequação do barracão que foi construído para ser oficina de confecção de roupas e teve que ser totalmente readequado.
De acordo com o prefeito Reinaldo, o projeto de readequação envolveu, além da ampliação do barracão diversas adequações, como sistema de iluminação e forro. O piso vai receber revestimentos especial.

 

O prefeito Reinaldo cita que os investimentos na ampliação e readequação do barracão industrial exigiu investimentos superior ao próprio custo do barracão.
FUNCIONAMENTO. A expectativa do prefeito Reinado Krachinski é que a empresa possa entrar em funcionamento no aniversário do município que será comemorado no próximo dia 29 de abril.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Caminhão blindado tomba na rodovia após ser fechado por outro veículo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Lei que regula pagamento de auxílio a quem teve redução de salário é sancionada

Publicados

em

Lei que regula pagamento de auxílio a quem teve redução de salário é sancionada

A lei que define as regras para os bancos federais pagarem os benefícios aos trabalhadores atingidos pela redução de salário e jornada ou pela suspensão temporária do contrato de trabalho em razão da pandemia foi publicada no Diário Oficial da União na última sexta-feira, 18.

A norma teve origem na Medida Provisória (MP) 959/2020, aprovada pelo Senado em 26 de agosto, na forma do Projeto de Lei de Conversão (PLV) 34/2020.
A lei permite ao governo federal contratar sem licitação a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil para repassar os recursos aos bancos em que os trabalhadores possuem conta.
De acordo com o texto, se essas instituições financeiras tiverem de depositar os benefícios em uma conta digital de poupança (poupança social), seus titulares terão 180 dias para movimentar o dinheiro antes que ele retorne à União.
Além disso, os bancos, públicos ou privados, não poderão fazer descontos, compensações ou quitação de débitos de qualquer natureza usando os valores depositados pelo governo.
Também ficou estabelecido prazo de dez dias para Caixa e Banco do Brasil fazerem os depósitos, contado da data de envio das informações necessárias pelo Ministério da Economia

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Paraná vai antecipar campanha contra pólio e multivacinação
Continue lendo

GOIOERÊ

Rancho Alegre D`Oeste

Juranda

Quarto Centenário

Boa Esperança

Farol

MAIS LIDAS DA SEMANA