conecte-se conosco


GOIOERÊ

Secretaria de Saúde de Goioerê informa a realização do Liraa e o índice fica em 1,0

Publicados

em

Secretaria de Saúde de Goioerê informa a realização do Liraa e o índice fica em 1,0.

 

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Departamento de Vigilância Sanitária e Epidemiologia, informa que neste mês de maio foi realizado mais um levantamento do Liraa pelo setor de Combate a Endemias no Município de Goioerê. O Liraa (Levantamento Rápido de Índices para o Aedes aegypti) é uma metodologia que permite conhecer de forma rápida, por meio de amostragem a presença de recipientes com larvas de Aedes Aegypti nos imóveis, quais os depósitos que representam maior probabilidade de servirem como criadouros, os tipos de imóveis e localidades com maior incidência.

As informações que o Liraa fornece auxiliam no direcionamento das ações de combate ao mosquito transmissor da Dengue, Chikungunya, Zika e Febre Amarela urbana. A metodologia utilizada para a realização do Liraa é a preconizada pelo Ministério da Saúde, sendo que a amostragem ocorre por sorteio e a inspeção ocorre em um percentual de imóveis do quarteirão. Durante o levantamento realizado entre os dias 12 e 14 de maio os Agentes de Endemias realizam a inspeção nos imóveis, com identificação e exame dos depósitos, com a coleta e posterior exame laboratorial das amostras de larvas.

O índice apontado pelo levantamento foi de 1,0, colocando o Município de Goioerê em estado de alerta. Para melhor compreensão o Ministério da Saúde classifica o índice menor que 1,0 como satisfatório, para o índice entre 1 e 3,9 em alerta e risco de surto para índices superiores a 3,9. Assim, quanto menor for o índice, menor será a possibilidade de o Município ter um surto da doença.

 

Leia Também:  Douglas Fabrício destaca criação da Força Estadual de Saúde. O objetivo é dar suporte aos municípios do estado

Com base nos dados obtidos pelo levantamento realizado, identificou-se que os recipientes com incidência de Aedes Aegypti foram os do tipo A2 (Depósitos ao nível do solo para armazenamento doméstico como tonel, tambor, barril, tina, depósitos de barros, cisternas, caixas d’água, captação de água) e tipo B (vasos/frascos com água, prato, pingadeira, recipiente de degelo de refrigeradores, bebedouros, pequenas fontes ornamentais), conforme o Gráfico 01. Gráfico 1 – Percentual por tipo de recipientes positivos para Aedes Aegypti. Fonte: Secretaria Municipal de Saúde de Goioerê. Outro dado importante é o percentual de tipos de imóveis positivos Aedes Aegypti, conforme o Gráfico 02, do total de imóveis pesquisados onde foram encontradas larvas, prevaleceu a categoria outros com 80% e os terrenos baldios com 20%. Gráfico 2 – Percentual por tipo de imóveis positivos para Aedes Aegypti. Fonte: Secretaria Municipal de Saúde de Goioerê. Com relação as localidades o percentual de imóveis positivos aponta a Vila Guaíra, Centro e Santa Casa como as localidades com maior incidência, conforme ilustra o Gráfico 03. Gráfico 3 – Percentual de imóveis positivos para Aedes Aegypti por localidade.

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde de Goioerê.

 

Leia Também:  O Prefeito Pedro Coelho continua firme no proposito de adequar todas as estradas rurais do município

Segundo a Coordenação de Endemias, “o Município de Goioerê hoje esta em epidemia, e o resultado do levantamento demonstra o descuido das pessoas com relação a dengue, pois passamos por uma época sem grande incidência de chuvas, com períodos de quarentena, onde a população permaneceu em suas casas e mesmo assim os imóveis apresentam o maior percentual dos depósitos com larvas do Aedes Aegypti, além disso, o tipo de recipientes com a maior incidência engloba aqueles de fácil remoção e eliminação”. Complementa ainda que população deve continuar com os cuidados básicos em suas residências, comércios e terrenos, eliminando todos os tipos de criadouros, vistoriando diariamente seus imóveis, pois a dengue não descansa, e quando menos se espera ela bate a nossa porta. Após o resultado a Equipe de Combate a Endemias direcionará seus trabalhos para as áreas com maior índice de infestação, de modo a eliminar os possíveis criadouros e focos do mosquito.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

GOIOERÊ

O Prefeito Pedro Coelho continua firme no proposito de adequar todas as estradas rurais do município

Publicados

em

O Prefeito Pedro Coelho continua firme no proposito de adequar todas as estradas rurais do município, desta feita os trabalhos aconteceram na Estrada velha da Fonte Azul/Duas pontes , esta é a primeira estrada a entrada principal do bairro e estava abandonada a anos , não existia mais transito de acesso até o bairro ´por esta estrada, sendo inclusive utilizada para deposito de lixo , diante deste fatos e como tem sido feito em todo seu mantado o Prefeito Pedro Coelho determinou e o Diretor de agricultura Mauro Maximiniano entrega hoje esta importantíssima conquista não só para os moradores daquele bairro como para todos o Município.

 

Esta estrada ao longo dos anos foi sendo rebaixada a água começou a correr por ela ficando assim intransitável. “Fico muito contente por reativar esta estrada , primeiro porque é a estrada principal de aceso ao bairro, e por fim , conseguir melhorar a qualidade de vida aos moradores daquela localidade , e por fim ao Prefeito Pedro Coelho que vem fazendo um brilhante trabalho com a agricultura.”, disse o diretor Mauro Maximiniano.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  A propósito? Quanto ganha o prefeito de.... Bom vamos a relação dos municípios vizinhos e os salários de cada prefeito
Continue lendo

GOIOERÊ

Rancho Alegre D`Oeste

Juranda

Quarto Centenário

Boa Esperança

Farol

MAIS LIDAS DA SEMANA